quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Perguntas Frequentes sobre a Arca de Noé


1. A arca de Noé foi encontrada?

Não. Várias expedições buscaram encontrá-la, mas sem sucesso. Algumas formações rochosas com ”forma de barco” foram encontradas na área do Ararat, mas não há nada especial com relação a elas. Há numerosos relatos de pessoas que dizem ter visto a arca, mas não há evidências para apoiar estes 18 relatos. Parece pouco provável que a arca venha a ser encontrada. Deve-se rejeitar as afirmações de que a arca foi encontrada, mas que é necessário mais dinheiro para obter as provas. Se a arca fosse realmente descoberta, os meios de comunicação iriam assegurar que todos soubessem disso rapidamente.

2. Como todos milhões de espécies de animais poderiam caber na arca?

Não poderiam. A arca foi projetada para incluir apenas vertebrados terrestres — aqueles que caminham sobre a terra e respiram através de narinas (Gênesis 7:22). Isso não inclui animais marinhos, vermes, insetos e plantas. Há menos de 350 famílias de vertebrados terrestres vivos. A maioria destes são do tamanho de um gato doméstico ou menor. Se cada família taxonômica estivesse representada na arca por um par de espécimes, e com as poucas famílias “limpas” representadas por sete pares, a arca deveria conter menos do que 1000 indivíduos. A arca poderia provavelmente acomodar dez vezes este número(1). A questão de espaço para os animais na arca não é um problema difícil.

3. É razoável supor que cada família taxonômica poderia ser representada por um único par ancestral na arca? Isto não irá exigir taxas evolutivas absurdas após o dilúvio?

Algumas famílias taxonômicas podem ser grupos que representam mais do que um par de espécimes ancestrais. Entretanto, um par pode ter sido suficiente na maioria dos casos. Sabe-se que algumas espécies atuais possuem suficiente variabilidade genética para produzir variações morfológicas equivalentes a gêneros diferentes (2). As taxas de mudança morfológica podem depender do grau de isolamento genético, da quantidade de stress ambiental e também do tempo (3).

4. O que se pode dizer sobre alimentação, água e saneamento para todos aqueles animais?

Estas questões não são discutidas na Bíblia. A água da chuva poderia estar disponível, tornando o armazenamento de água desnecessário. O alimento foi aparentemente guardado na arca (Gênesis 6:21-22). O Deus que revelou a vinda do dilúvio, instruiu Noé sobre como preparar a arca e dirigiu os animais para a arca, certamente cuidou da “logística” necessária para o cuidado deles.

5. O que se pode dizer sobre animais com alimento muito específico, tais como o coala que requer folhas de eucalipto?

Não sabemos se os coalas foram sempre restritos a folhas de eucalipto, ou se sua dieta mudou. Nem mesmo sabemos se os coalas existiram antes do dilúvio, ou se eles se diferenciaram a partir de um ancestral que tenha sido preservado durante o dilúvio. Possivelmente não haja um meio de obter a resposta.

6. Como os animais puderam encontrar seu caminho a partir da arca até a América do Sul ou a Austrália?

Não sabemos, mas parece provável que os animais foram dirigidos de forma sobrenatural para ir para a arca, e de novo para se dispersar a partir da arca. Isto pode ter sido obtido pela implantação de um impulso instintivo para migrar, ou pode ter sido através da ação direta de anjos. Alguns podem objetar sobre a invocação de atividade sobrenatural, mas esta é inerente a toda a história do dilúvio. Atividades sobrenaturais não implicam necessariamente violação de leis naturais, mas sim que os eventos foram dirigidos por seres de inteligência superior.

7. Que problemas não resolvidos sobre a arca de Noé são de maior preocupação?

Quantas espécies diferentes de animais foram salvas na arca de Noé, e quais são seus descendentes?

Como os vertebrados terrestres se espalharam da arca até sua atual distribuição?

Notas para as perguntas sobre a arca:

1. Para uma discussão criacionista sobre o espaço na arca, ver: Wodmorappe J. 1994. The biota and logistics of Noah’s ark. In Walsh R. E, editor, Proceedings of the Third International Conference on Creationism, July 18-23, 1994. Pittsburgh, PA: Creation Science Fellowship, p 623-631.

2. (a) Wayne R. K. 1986. Cranial morphology of domestic and wild canids: the influence of development on morphological change. Evolution 40:243-261; (b) Ver também as perguntas feitas sobre mudanças nas espécies.

3. Parsons P. A. 1988. Evolutionary rates: effects of stress upon recombination. Biological Journal of the Linnean Society 35:49-68.

22 comentários:

  1. ESPÍRITO SANTO – O “PODER” QUE CRISTO COMUNICA:
    É a graça que cristo implanta na alma, que cria no homem a inimizade contra Satanás. Sem esta graça que converte, e este poder renovador, o homem continuaria cativo de Satanás, com servo sempre pronto a executar-lhe as ordens. Mas o novo princípio na alma cria o conflito onde até então houvera paz. O PODER QUE CRISTO COMUNICA, habilita o homem a resitir ao tirano e usurpador. O Conflito dos Séculos, pág. 548 2º parágrafo.

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  2. THE SOUTHERN WORK – 13/09/1898 – SRA. WHITE COMENTANDO “O CONFORTADOR” DE JOÃO 14.
    “Que Cristo devia se manifestar a eles, e ainda estar invisível ao mundo, era um mistério para seus discípulos. Eles não podiam entender as palavras de Cristo em seu sentido espiritual. Eles estavam pensando no externo, na manifestação visível. Eles não podiam se dar conta do fato de que podiam ter a presença de Cristo com eles, e ainda Ele ficar despercebido pelo mundo. Eles não entenderam o significado de uma manifestação espiritual. ”

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  3. A Igreja será achada em Falta

    "Não está distante o tempo em que a prova virá para cada alma. A marca da besta será instada sobre nós. Aqueles que, passo a passo, submeteram-se às exigências mundanas e se conformaram com os costumes mundanos não acharão difícil submeter-se às autoridades superiores, antes que se sujeitarem ao desprezo, insultos, ameaça de prisão e morte. A disputa é entre os mandamentos de Deus e os mandamentos dos homens. Neste tempo, o ouro será separado da escória na igreja. . . . A VOZ DA FIEL SENTINELA será ouvida: 'SAÍ DO MEIO DELA, não toqueis nada imundo; saí do meio dela; sede puros vós que levais os vasos do Senhor. A igreja não pode medir-se pelo mundo, nem pela opinião dos homens, NEM PELO QUE OUTRORA FOI. . . . A igreja será pesada nas balanças do santuário. Se o seu caráter moral e estado espiritual não corresponderem ao benefícios e bênçãos que Deus lhe tem conferido, ela será achada em falta". Testimonies, vol. 5, pág. 81-83.

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Na "Adventist Review" (Revista Adventista) de 8 de novembro de 2001, o editor assistente Roy Adans escreveu um artigo no qual elogia os "relevantes" serviços prestados à igreja Adventista por Bert B. Beach. Na entrevista que Beach concedeu a Roy Adans, ele disse que o maior evento de sua vida foi sua assistência ao Concílio Vaticano II. Também disse que ele se vê como um "construtor de pontes" (entre a IASD e outras igrejas). Estas palavras também são de Beach: "Deveríamos ser especialmente cuidadosos quando falamos sobre "Igreja Católica", disse ele. "Deveríamos lidar com a teologia e os ensinamentos Católicos como eles emergiram do Concilio Vaticano II e dos documentos Contemporâneos da Igreja. Não deveríamos usar apenas citações do século dezenove ou mesmo anteriormente, nos dias do Concílio de Trento. Devemos estar seguros de que o que dizemos que eles estão ensinando é de fato assim".
    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. O doutor Alberto Rivera no primeiro fascículo da Série Alberto, na página 28, escreve entre outras coisas: O primeiro grupo Protestante infiltrado pelos Jesuítas foram os Adventistas do 7° Dia. Depois se moveram para os Batistas, Metodistas, Presbiterianos, Luteranos, etc... até que todos eles foram infiltrados, incluindo os Mórmons e Testemunhas de Jeová. Todos os Seminários, Universidades e Colégios foram os próximos. Os Jesuítas dirigiram a Ação Católica Jovem, Legião de Maria e os Cavaleiros de Colombo os quais realizaram esta tarefa.

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  6. O Decreto sobre o Ecumenismo: Professem todos os cristãos, diante do mundo inteiro, a sua fé em Deus uno e trino, no filho de Deus encarnado, nosso Redentor e Senhor... todos os homens sem exceção são chamados a esta obra comum.... Diretório para a aplicação dos princípios e normas sobre o ecumenismo – Pág. 133-134- A Voz do Papa - 3º Edição 2004

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  7. Os que crêem em Cristo e foram devidamente batizados (na trindade) mantêm comunhão, embora imperfeita, com a Igreja
    católica. CONCILIO ECUMÊNICO VATICANO 2 - DECRETO UNITATIS REDINTEGRATIO - SOBRE O ECUMENISMO - Página 13


    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  8. A Troca do Sábado pelo Domingo na Igreja

    "Diz o grande enganador . . . 'o sábado é a grande questão que decidirá o destino das almas. Devemos exaltar o sábado de nossa criação. Temos feito com que seja aceito tanto pelos mundanos como pelos membros da igreja; agora a igreja precisa ser levada a unir-se ao mundo em seu apoio . . . deixar de lado a razão e o temor a Deus, e seguir o costume e a tradição". Spirit of Prophecy, vol. 4, pág. 337-338 (O Grande Conflito original de 1884).
    http://egwdatabase.whiteestate.org/nxt/gateway.dll/egw-comp/section00000.htm/book05012.htm/chapter05041.htm


    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  9. "O Senhor tem uma controvérsia com seu povo professo nestes últimos dias. Nesta controvérsia, homens em posição de responsabilidade tomarão um curso diretamente oposto àquele seguido por Neemias... Em igrejas e em grandes concentrações ao ar livre ministros irão instar com o povo a necessidade de guardar o “primeiro dia da semana”. (Ellen White, Adventist - Rewiew and Sabbath Herald, Volume 61, #12, Tuesday, March 18, 1884: ênfase acrescentada.


    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  10. Pregariam Paz e Segurança

    "Vemos aí que a igreja –“ O SANTUÁRIO DO SENHOR” - foi a primeira a sentir o golpe da ira de Deus. Os anciãos, AQUELES A QUEM DEUS DERA GRANDE LUZ, e que haviam ocupado o lugar de depositários dos interesses espirituais do povo, HAVIAM TRAÍDO SEU DEPÓSITO. ... Assim, 'paz e segurança é o grito de homens que nunca mais erguerão a voz como trombeta para mostrar ao povo de Deus suas transgressões, e à casa de Jacó os seus pecados. Esses cães mudos que não querem ladrar são aqueles que sentirão a justa vingança de Deus ofendido. Homens, virgens e crianças, todos perecerão juntos." Testemunhos Seletos, vol. 2, págs 65 e 66.
    “O povo voltava-se contra seus pastores com ódio atroz e os acusava, dizendo: "Não nos advertistes. Disseste-nos que o mundo inteiro deveria converter-se e clamastes: Paz, Paz, para acalmardes todo o temor que se despertava. Não nos falastes a respeito desta hora; e aqueles que nos avisaram a tal respeito declarastes serem fanáticos e homens maus, os quais causariam a nossa ruína." Mas vi que os pastores não escaparam da ira de Deus. Seu sofrimento foi dez vezes maior do que o de seu povo.” História da Redenção, pág. 405


    Urso10000@gmail.com,

    ResponderExcluir
  11. CONHEÇA A APOSTASIA ÔMEGA
    Acesse sequenciadamente os seguintes endereços eletrônicos:
    (copie e cole na caixa de pesquisa do Google)
    NADER MANSOUR -
    http://www.youtube.com/watch?v=OE0r3pW-7fc
    http://www.youtube.com/watch?v=N8RE0ImijjY
    http://www.youtube.com/watch?v=J9IluFsoLbc
    http://www.youtube.com/watch?v=V69rTGkWSuQ
    http://www.youtube.com/watch?v=BM1fT4M4Xtk
    http://www.youtube.com/watch?v=PyinbnHHqXI
    http://www.youtube.com/watch?v=YQ5a8PmE1nU


    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  12. ESPÍTITO - DEFINIÇÃO


    Ruach - Pneuma
    No Antigo Testamento, a palavra hebraica ruach aparece 377 vezes e é traduzida como “vento”, “fôlego” ou “espírito” (Gen.8:1), “princípio vital” (Gen.6;17; 7:22), “coragem “ (Josué 2:11), “vitalidade” ou “força” (juizes 15:19, “disposição” (Isaías 54:6) e “caráter moral” (Ezequiel 11;19).

    No Novo Testamento, a palavra grega pneuma é igualmente traduzida como “espírito ou respiração”.

    Nem no Antigo nem no Novo Testamentos ruach ou pneuma se referem a alguma entidade inteligente capaz de existir independentemente do corpo.

    Os conceitos de espírito e alma como são usualmente aceitos e divulgados pelo Espiritismo não são Bíblicos. Não fazem parte da Teologia Adventista.

    A palavra Nephesh traduzida como “alma” nunca se refere a um centro indestrutível do ser.

    -Os membros da IASD que não perceberam isto, e chamam o Espírito Santo "uma Pessoa" e se enquadram justamente aí, tornaram-se " Espiritas"

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  13. OS DISCÍPULOS – SEUS CONCEITOS E EXPECTATIVAS DO CÉU.
    Que fonte de alegria para OS DISCÍPULOS foi saber que tinham tal Amigo no Céu para interceder em seu favor! Por meio da visível ascensão de Cristo foram alterados todos os seu conceitos e expectativas do CÉU. Anteriormente, SEUS PENSAMENTOS SE HAVIAM DEMORADO NELE COMO UMA REGIÃO DE ESPAÇO ILIMITADO, HABITADA POR ESPÍRITOS SEM SUBSTÂNCIA. Agora o Céu estava relacionado com o conceito de Jesus, a quem haviam amado e reverenciado mais do que todos os outros, com quem haviam conversado e viajado, em quem haviam tocado, até mesmo no Seu corpo ressuscitado... O CÉU não podia mais parecer-hes UM ESPAÇO INDIFINIDO E IMCOMPREENSÍVEL, REPLETO DE ESPÍRITOS INTANGÍVEIS. Consideravam-no agora como seu futuro lar, em que seu amoroso Redentor estava preparando mansões para eles. - 3SP, 262 (1878). – EVENTOS FINAIS PÁGINA 247.

    O conceito exposto no texto acima (ESPÍRITOS SEM SUBSTÂNCIA e ESPÍRITOS INTANGÍVEIS) é o conceito que a IASD está usando hoje para definir a palavra ESPÍRITO para explicar a doutrina da Trindade! Puro Espiritismo!

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  14. PERSONALIDADE DO ESPÍRITO SANTO (correspondência à um amigo)

    A palavra "Espírito", como você pôde perceber na mensagem que lhe mandei, não se enquadra em nenhuma definição que traduza "uma parte inteligente, uma entidade, separada do corpo". Se não é uma parte inteligente separada do corpo, quando se diz que tem personalidade, diz-se na verdade que tem características próprias de uma pessoa. Aí entra o tal do sentido figurado, que você tanto se referiu no seu texto. Mas ele (o Espírito Santo) não sendo uma pessoa, e tendo qualidades de como quem fosse tal, o que entendemos? Se Ele (o Espírito) procede do Pai, procede também do Filho, sendo Eles (o Pai e o Filho) inteligentes e gloriosos, é claro que toda emanação e poder que procede Deles (o Pai e o Filho) é algo de muita inteligência e glória, com características Deles. Nem poderia ser diferente. Não tem possibilidade de o Espírito ser medíocre! É a expansão do pensamento ativo deles, do Pai e do Filho, PERSONALIDADE FORTE.
    O Espírito Santo existe, é bíblico, e é dado para a edificação da Igreja.Mas não é o que você pensa.

    E é bom lembrar:
    A Sra. White aconselha a não definir "o que seja" o Espírito Santo. Ela não diz "quem seja", portanto não passou nem de longe, a vontade de definir o Espírito Santo como "alguem" (uma pessoa diferente de Cristo).


    Lembrando ainda a análise morfológica que aprendemos na Escola Primária para classificar as palavras. Você se lembra?
    - Substantivo próprio ou comum, singular ou plural, primitivo ou derivado... e assim classificávamos as palavras. Usando esta regra básica do Português, observe a diferença destas duas palavras: PERSONA e PERSONALIDADE:

    PERSONA= Substantivo Primitivo.
    PERSONALIDADE= Substantivo Derivado. (deriva de “persona”, óbvio!). Funciona praticamente como um “adjetivo”. São “características ou qualidades” de uma “persona”. Mas “não é uma persona= “pessoa”. Esquecendo-se desta regra elementar de Português, estão querendo fazer os incautos crerem na palavra com sentido trocado.
    Querem afirmar que quando a Sra. White afirma que o “Espírito Santo tem personalidade” ela estaria afirmando que “o Espírito Santo é uma Pessoa”.
    Absurdo! Veja a ilustração abaixo do que acabamos de expôr aqui:

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  15. “As Escrituras indicam claramente a relação entre Deus e Cristo, apresentando com igual clareza a personalidade e individualidade de cada um. A unidade que existe entre Cristo e Seus discípulos não anula a personalidade de nenhum. São um em desígnio, mente, em caráter, mas não em pessoa. É assim que Deus e Cristo são um.” A CIENCIA DO BOM VIVER - PÁGINAS ,421 – 422
    -Bem diferente da atual fé Adventista que afirma que são “três em um”!

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  16. "A forma básica da nossa profissão de fé trinitariana (Mateus 28:19) tomou forma durante o curso dos séculos segundo e terceiro em conexão com a cerimônia de batismo. Medida em que o seu lugar de origem está em causa, o texto (Mateus 28:19) veio da cidade de Roma."
    O batismo da Trindade e texto de Mateus 28:19, portanto, não se originou a partir da Igreja original, que começou em Jerusalém por volta do ano 33. Era um pouco como a evidência demonstra uma invenção posterior do catolicismo romano completamente inventada. Muito poucos sabem sobre estes fatos históricos." --- Introdução ao Cristianismo por Joseph Ratzinger. página 82-83. Edição de 1968.



    Deus Preservou a Bíblia (APESAR DAS MUDANÇAS PROPOSITAIS)

    “Vi que Deus havia de maneira especial guardado a Bíblia, ainda quando dela existiam poucos exemplares; e homens doutos nalguns casos mudaram as palavras, achando que a estavam tornando mais compreensível quando, na realidade, estavam mistificando aquilo que era claro, fazendo-a apoiar suas estabelecidas opiniões, que eram determinadas pela tradição. Vi, porém, que a Palavra de Deus, como um todo, é uma cadeia perfeita, prendendo-se uma parte à outra, e explicando-se mutuamente.”
    Primeiros Escritos, pág. 220-221 – História da Redenção, pág. 391

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  17. O PRIMEIRO DEPOIS DE CRISTO

    Satanás foi outrora um honrado anjo no Céu, o primeiro depois de Cristo. Seu semblante, como o dos outros anjos, era suave e exprimia felicidade. Sua testa era alta e larga, demonstrando grande inteligência. Sua forma era perfeita, seu porte nobre e majestoso. Mas quando Deus disse a Seu Filho: "Façamos o homem à Nossa imagem" (Gên. 1:26), Satanás teve ciúmes de Jesus. Ele desejava ser consultado sobre a formação do homem, e porque não o foi, encheu-se de inveja, ciúmes e ódio. Ele desejou receber no Céu a mais alta honra depois de Deus. Primeiros Escritos pg145

    -tendo trindade, não deveria ser o "Deus Espírito Santo" o terceiro no Céu?

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  18. A Hierarquia no Céu
    “Lúcifer, no Céu, antes de sua rebelião foi um elevado e exaltado anjo, o primeiro em honra depois do amado Filho de Deus... O grande Criador convocou os exércitos celestiais para, na presença de todos os anjos, conferir honra especial a Seu Filho. O Filho estava assentado no trono com o Pai, e a multidão celestial de santos anjos reunida ao redor. O Pai então fez saber que, por Sua própria decisão, Cristo, Seu Filho, devia ser considerado igual a Ele, assim que em qualquer lugar que estivesse presente Seu Filho, isto valeria pela Sua própria presença. A palavra do Filho devia ser obedecida tão prontamente como a palavra do Pai. Seu Filho foi por Ele investido com autoridade para comandar os exércitos celestiais. Especialmente devia Seu Filho trabalhar em união com Ele na projetada criação da Terra e de cada ser vivente que devia existir sobre ela.” História da Redenção, pág. 13-14


    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  19. TESTEMUNHO DE ESTEVÃO – Mas ele, esta do cheio do Espírito Santo, fixando os olhos no céu, viu a glória de Deus, e Jesus, que estava à direita de Deus. E disse: Eis que vejo os céus abertos, e o Filho do homem, que está em pé à mão direita de Deus. Atos 7:55-56. - - - - - Pergunta aos trinitarianos que confundem Jesus com o Pai: - Alguém pode estar à direita de si mesmo?

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  20. JOÃO:-8:42 - Disse-Lhes, pois, Jesus: Se Deus fosse o vosso Pai certamente Me amaríeis, pois eu saí e vim de Deus; não vim de Mim mesmo, mas Ele me enviou .
    OBS.: Está claro nesta passagem a "filiação" de Jesus. Mas, como diz o ditado:"O pior cégo é aquele que não quer ver".

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  21. ESTES TRÊS SÃO UM
    I JOÃ 5:7 e 8 – Pois há três que dão testemunho : o Espírito, a água e o sangue, e os três são unânimes num só propósito. – Versão João Ferreira de Almeida – Revista e Atualizada no Brasil.
    Observação: - Note os colchetes < e >
    Na apresentação do Novo Testamento da Versão acima citada contém a seguinte observação:
    “Todo conteúdo entre colchetes é matéria da Tradução de Almeida, que não se encontra no texto grego adotado”

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir
  22. JESUS É DEUS?
    A palavra “Deus”, na Biblia, nem sempre tem o significado de “Pai Criador Eterno”, “Jeová”, ou um “nome próprio”, como alguns querem nos fazer crer. Na verdade é um pronome de tratamento e não um substantivo próprio como se referisse a alguma pessoa especificamente quando o termo é usado. Para confirmar isto note as seguintes passagens da Escritura Sagrada:
    MOISES – Exodo 7: 1 – Então disse o Senhor a Moises: Eis que te tenho posto por deus sobre Faraó, e Arão, teu irmão, será teu profeta.
    Á RESPEITO DE PESSOAS CONSAGRADAS – Salmos 82:6 – Eu disse: Vós dois deuses, e todos vós filhos do Altíssimo.
    JESUS CONFIRMANDO A INFORMAÇÃO – João 10:33-36 – Os judeus responderam, dizendo-lhe: Não te apedrejamos por alguma obra boa, mas pela blasfêmia, porque, sento tu homem, te fazes Deus a ti mesmo. Respondeu-lhes Jesus: Não está escrito na vossa lei: Eu disse? Sois deuses?: Pois, se a lei chamou deuses Àqueles a quem a palavra de Deus foi dirigida, e a Escritura não pode ser anulada, Aquele a quem o Pai santificou, e enviou ao mundo, vós dizeis: blasfemas, porque disse: Sou Filho de Deus?
    É bom que fique claro que a palavra “Deus” não significa sempre Criador (O Pai), tão somente, mas estabelece também “Nível” ou Status”, como vimos anteriormente e pode se referir a pessoas especiais.
    O que não podemos jamais, é confundi-los com o Pai, ou usar passagens ou criar jogo de palavras ou montar doutrinas, ocultando informações e suprimindo a clareza que a Escritura Sagrada nos passa como um todo, tentando estabelecer a doutrina da Trindade.
    Assim entendendo, é fácil harmonizar e comprender passagens das escrituras como Hebreus 1:8: -Mas, do Filho, diz: Ó Deus, o teu trono subsiste pelos séculos dos séculos.
    *** Alguns tentam desqualificar a informação que Jesus nos dá em João-10: 33-36 (citada acima) quando Jesus quando Ele cria uma linearidade da palavra “deus” e diz ... se a lei chamou deuses Àqueles a quem a palavra de Deus foi dirigida... Será que teriam coragem de contradizer Jesus “cara a cara” e afirmar: - Sinto muito Mestre, mas Você está equivocado...

    Urso10000@gmail.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...