sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Como melhorar o culto J.A.

O culto JA não é a única tarefa do Ministério Jovem, mas ocupa um lugar extremamente importante. Ele é o momento onde os jovens se desenvolvem e tem momentos de adoração. Por isso, é preciso buscar maneiras de desenvolvê-lo.

Muitos líderes tratam o Culto JA como uma atividade opcional, e ai está o motivo do descrédito do programa em muitas igrejas. Alguns tratam o Culto JÁ como um show que só deve ser feito quando existem estrelas para participar (Um grupo, um orador, etc.). Outros o encaram como um compromisso desgastante demais que não pode ser realizado todo o Sábado porque não existem idéias, público, colaboradores, e por isso é cansativo. Alegam que não há fôlego para um ano, sendo assim, é melhor ir devagar.

Agora, pense comigo: é justo oferecer apenas shows à igreja, e deixá-la sem programa quando eles não existem? Será justo deixar de fazer o Culto JA por considerá-lo desgastante? Será que este é o único programa desgastante da igreja? O que você e eu diríamos se o Pastor distrital decidisse fazer o culto de oração da Quarta a noite apenas uma vez por mês, ou se a equipe da Escola Sabatina fizesse seu programa quinzenalmente? Isso parece absurdo, não? E Porque muitas vezes achamos que com o Culto JA é diferente?

Para que ele ocupe seu verdadeiro papel é preciso dar atenção a algumas questões fundamentais:
PLANEJAMENTO

Para evitar confusões, tensão, falta de idéias e desmotivação da equipe JA, o segredo é gastar tempo estudando o que fazer com antecedência. Bons programas não acontecem por acaso. São fruto de planejamento, com dedicação de tempo e esforço.

Organize o planejamento dos Cultos JA reunindo sua equipe e montando um calendários com duas ênfases:
a. Anual - De forma geral, apenas separando as datas que não podem ser esquecidas, ou aquelas que já estão confirmadas durante o ano, para que não haja conflito com outros programas.
b. Trimestral - Definindo cada programa do trimestre. Leve em conta o calendário anual e defina os temas, locais, participações e programas especiais. A reunião para definir este planejamento deve ser realizada pelo menos um mês antes do início do trimestre.
 
Ao organizar este planejamento, tendo em vista a realização do Culto JÁ semanalmente, você pode dividir estilos diferentes de programas a cada Sábado do mês, repetindo a fórmula a cada mês do ano. 
 
Por exemplo:
1' Sábado - Culto JA organizado pela direção do departamento jovem. Pode ser montado um super programa, pois é praticamente o único no mês feito integralmente em cima da criatividade da equipe JA; 
2' Sábado - Culto JA
Musical - Grupo, solista ou coral convidado. Não é trabalhoso. É só convidar, promover e deixar acontecer.
3' Sábado - Culto JA de envolvimento - Mesa redonda, seminário, dinâmica de grupo, etc., com um tema especial. Também não é trabalhoso. É só definir o tema, promover e administrar o andamento das partes;

4'Sábado - Culto JA feito por algum departamento convidado. Existem departamentos que sempre se dispõem a fazer programas, até mais de um, se necessário, como: 
· Departamento infantil;
· Ministério da Mulher;
· Desbravadores;
· Lar & Família;
· Saúde & Temperança;
· Ministério Pessoal;
· Música;
- Ancionato;
· Diaconato;
· Pastor Distrital;
· Etc.

Você pode até argumentar, que esta forma de planejamento para o Culto JA pode fazer com que ele se torne simples demais. Seu argumento tem lógica. Esta é uma sugestão para lhe ajudar quando há dificuldade para montar programas, mas você pode melhorá-la. Mas, se a equipe pode preparar uma programação com a cara jovem para os 52 sábados do ano, ai sim, você tem a fórmula ideal.

Ao organizar todo seu planejamento para o Culto JA, existem três passos fundamentais. Eles darão menos trabalho e mais originalidade.

Oração

Antes da seleção final do conteúdo do culto jovem, ore por orientação divina para estabelecer:
a. O propósito do programa;
b. Sua forma e conteúdo;
c. Os participantes.


Propósito

a. Qual a necessidade ou problema mais urgente que os jovens da igreja estão enfrentando naquele momento ?
b. Quando conseguiremos suprir esta necessidade ? Quando a equipe JA definir as respostas para cada uma destas duas perguntas, terá alcançando o propósito principal do programa que está preparando.
Monte todas as partes do programa colocando estas respostas como base.

Programa

É importante lembrar que é o programa que constrói ou destrói o culto jovem. Para que ele seja bem construido:
- Faça de Cristo o centro de todo o programa;
- Escreva toda a seqüência da programação e entregue cópias para a equipe JA e demais participantes;
- Longas pausas dentro do programa "matam" a reunião;
- Apesar da prioridade espiritual, os programas também devem ser animados, atraentes e interessantes.
Ao planejar o programa que será realizado semanalmente, leve em consideração a aplicação dos requisitos abaixo. Eles trarão bons resultados.

O FUNCIONAMENTO DO PROGRAMA

Definir a forma:

Para tornar o Culto JA mais eficiente e menos trabalhoso é necessário sistematizar seu funcionamento estabelecendo as partes fundamentais, de modo que seja fácil montá-lo. Por isso, você vai conhecer agora a fórmula BOLETIM. Cada letra da palavra significa uma parte que deve ser desenvolvida durante o programa. Você pode variar a ordem sempre que desejar, o importante é não perder tempo pensando em como construir o programa. BOLETIM é uma fórmula que envolve todas as principais ênfases e propósitos do Ministério Jovem e também do próprio Culto JA. Conheça cada uma das partes:
· Bíblia (7 min):
· Oração (5 min):
· Louvor (7 min)
· Envolvimento (lO min)
· Testemunho (7 min)
. Incentivo/informações(5 min)
. Mensagem (l5 min)

Tempo Total do programa - 56 min.


Definir o Tema:

Deve haver sempre um motivo para a realização do Culto JA, de modo que todos possam sair orientados ao final.

Procure definir os temas que serão usados nos encontros através de:
a. Sugestões contidas na revista Ação Jovem;
b. Reuniões da equipe JA;
c. Pesquisa junto aos jovens;
d. Notícias importantes;
e. Datas comemorativas;
f. Calendário de atividades da Associação/Missão e da Igreja;
g. Consultas ao Pastor e à liderança da igreja;
h. Etc.

Propaganda:

A presença dos jovens ao culto JA é proporcional à promoção realizada, por isso capriche. Dentre outros, utilize estes recursos:
a. Cartaz com o título do programa;
b. Gravação bem trabalhada para ser apresentada no momento dos anúncios e
ao final do culto divino;
c. Distribuição de convites criativos à saída (papéis enrolados em forma de pergaminho, guardanapos, caixas de fósforo ou outros que tenham a ver com o título do programa);

Esforço:

Todo o sucesso tem o seu preço, por isso, para alcançá-lo, pague-o. Não creia no sucesso fácil. A dedicação é o preço a ser pago. Como líder, seja regente de sua equipe, coordenando o esforço de cada um em sua função buscando a harmonia na equipe. Divida tarefas, estimule, incentive e cobre.

Ensaio:

- Estabeleça um horário e local para ensaios, pelo menos uma semana antes da reunião. Explique a cada um a parte que deve desempenhar, supervisione a propaganda e poupe o suor e as lágrimas dos imprevistos de última hora. Telefone, avise os envolvidos na programação e passe a eles as informações necessárias.

- A experiência tem mostrado que programas bem ensaiados são melhores. Uma hora gasta em ensaiar uma reunião antes da sua apresentação fará maravilhas em burilar os programas e revelar as imperfeições. Além disso, o ensaio leva cada um a se sentir a vontade, permitindo ao organizador a oportunidade de fazer sugestões para melhorar.

Participação:

a. Nenhum culto JA irá sobreviver por muito tempo se o responsável é o único que toma parte, ou ainda se o mesmo grupinho de três ou quatro jovens participa todas as semanas. As melhores reuniões são aquelas onde vários jovens, de formações ou grupos diferentes participam;

b. Defina quantos participantes serão necessários e o que vão fazer para o sucesso do programa;

c. Use principalmente os jovens para participar;

d. Instrua os participantes quanto ao que se espera deles:
- Sentar na primeira fila;
- Cuidar para que não haja espaços vazios depois da introdução;
- Não deixar para afinar os instrumentos musicais no momento da apresentação;
- Falar com clareza e firmeza para que todos possam ouvir. Pontualidade:

a. Para iniciar o programa - Ninguém gosta de ir a um encontro onde sabe que vai ficar esperando ou assistindo a ensaios e ornamentações, e pior ainda, quando tem de esperar do lado de fora. Isto afugenta o público e desrespeita a Deus. Procure manter um padrão de horário para começar e cumpra-o.

b. Para encerrar o programa - Encerre deixando os assistentes com o gostinho de "quero mais". No caso de prolongamento do tempo, é melhor cortar o programa e encerrá-lo, do que "queimá-lo". É melhor que a reunião seja curta e proveitosa, do que longa e cansativa. O tempo ideal para um programa é de 1 a 1: 15 h.

Andamento:

Um dos segredos para as boas reuniões é manter "as coisas andando".

a. Não permita que ocorram quaisquer interrupções; ou que alguma parte da programação se prolongue até que todos os presentes se sintam cansados ou entediados. O final do programa deve ser o seu clímax.
b. Não permita que os assistentes tenham tempo entre as partes para adivinhar o que virá em seguida.

CONTEÚDO FIXO COM FORMA VARIADA


Para evitar a rotina, que tem deixado muitos Cultos JA desinteressantes e desanimadores, siga três dicas básicas:
a. Varie a ordem do programa - troque as partes de lugar;
b. Introduza variedades nas partes do programa - realize as partes de sempre, mas de maneiras diferentes.
c. Procure criar atividades novas que se identifiquem com os jovens. Algumas sugestões para ampliar as alternativas das partes básicas do Culto JA, mantendo-o dentro do BOLETIM:


Bíblia: ( 7 min. );

- Texto escolhido na linguagem de hoje;
- Versões diferentes (explicar);
- Bíblia mais antiga/nova;
- Textos difíceis;
- Pessoas falam o verso favorito e por quê:
- Curiosidades Bíblicas;
- História de como a Bíblia transforma vidas;
- Sugestões de quem lê a Bíblia com prazer;
- Leitura Bíblica:
· Um leitor;
· Dois leitores;
· Jogral;
· Quatro leitores alternadamente;
· Leitura responsiva por rapazes e moças;
· Leitura responsiva feita por um lado do auditório de cada vez;
· Leitura por família;
· Leitura ilustrada. A medida que a leitura vai sendo feita as imagens
a ilustram;
* Usar um fundo musical caracterizado.


Oração: ( 5 min. );

* Oração dois a dois;
· Como orar;
* Oração silenciosa;
· Tipos de oração;
* Pedidos especiais;
· Oração na Bíblia;

· Orações respondidas;
· Oração em cadeia;
· Corrente de oração;
· Pessoa escolhida orando;
· Alguém que teve uma oração respondida;
· Oração responsiva;
· Oração em grupo ou família;
· Oração membro + visita;
· Oração cantada;
· Pedidos de oração em uma frase;
· Amigo secreto de oração;
- Orações por problemas específicos;
- Momento de promessas sobre a oração;
- Pessoas de diferentes grupos a cada semana para orar. Avós, pais, jovens, solteiros, universitários, juvenis, etc.;
- Oração feita por três pessoas. Uma responsável pelo louvor, outra por ações de graças e a terceira pela intercessão;
- Oração infantil.

Louvor: ( 7 min. );

* Cântico congregacional;
· Música especial;
· Música com um instrumento raro,
· Monólogo - letra lida enquanto a música é tocada;
· Hino ilustrado - enquanto é cantado imagens o ilustram;
- Dados sobre música;
- Cântico novo;
- Louvor na Blblia;
- Talento musical;
- Projeto serenata;
- Concurso musical;
- Noções elementares sobre música;
- Conhecendo instrumentos musicais;
- Hinos e cànticos conhecidos e tocantes;
- Aprender músicas e cânticos novos;
- Moças cantam uma estrofe e rapazes outra;
- Dividir o auditório em duas partes;
- Preparar história de hinos que tenham ligação com as partes apresentadas;
- Usar cânticos em ritmo marcial, hinos devocionais, etc.;
- Usar Slides, Transparências, Apresentações em Power Point, com hinos;
- Hinos em ordem alfabética (tomar por base algum hinário);
- Participação de crianças;
· Música instrumental;
· Solos;
· Duetos;
· Trios;
· Quartetos;
· Conjuntos;
· Festivais (solos ou duetos inéditos, quartetos, conjuntos, corais, etc.);
· Selecionar as músicas para evitar os exageros.


Envolvimento: ( 10 min. );
· Atividades de grupo;
· Conheça seu irmão;
· Saudação aos visitantes;
· Concursos:
· Por idades;
· Por equipes;
· Curiosidades da Bíblia;
Devoção Matinal;
Concurso de oratória - tema defido no inicio do programa, e discurso apresentado no final;
Se fizer um concurso com duração além de um programa, não ultrapasse dois meses para não perder a motivação;

a Gincana:
· Entre idades;
· Equipes livres;
· Entre GAJAS;
· Divisão por sorteio:
* Atividades sugestivas:
· Dividir partes dos cultos JA entre as equipes;
· Cegos com Bíblia em Braile;
- Discurso de uma pessoa que nunca falou em público;
- Trazer ex-Adventistas;
- Trazer alguém importante da região e homenagear-lhe;
- Casal para cantar um dueto;
- Alguém que toque harpa junto com alguém que cante;
- Bíblias antigas;
- Visitas a hospitais;
- Alimentos e objetos para as Dorcas;
- Etc.

Evite:
· Imitar a televisão;
· Torcidas dentro da igreja (Não incentive nem permita);

Tarefas que não tenham ligação com atividades religiosas ou espirituais.

Testemunho: ( 7 min. );
- Por que sou Adventista;
- Uma benção da semana;
- História de minha conversão;
- História missionária;
- Alguém que venceu um mau hábito ou pecado;
- Um dia com Jesus - como Jesus influencia o dia de uma pessoa;
- Testemunho em vídeo.

Incentivo/Informações: ( 5 min. );

- Ano Bíblico;
- Meditação matinal;
- Lição da Escola Sabatina;
- Clube do livro JA / Juvenis;
- Presença nos programas:
- Programas que vem ai;
- Jornal JA;
- Resultados de atividades;
- Informações:
- Interrupções planejadas;
* Recursos audiovisuais;
· Perguntas e respostas;
- Apresentar como se fosse notícia;
- Duas pessoas dando o anúncio em uníssono ou de forma alternada;
- Entregando cartão escrito no sábado pela manhã;
- Gravar em cassete a mensagem:
- Desenho num quadro negro;
- Cartaz.

Mensagem: ( 15 min. );

- Meditação;
- Ação Jovem;
· Dinâmica de grupo;
· Painel;
· Um recado de Ellen White;
· Pregador Juvenil;
· Encenação;
- Um orador;
- Alguns oradores;
· Perguntas e respostas;
· Vídeo;
· Slides;
- Entrevista;
- Mesa redonda;
- Reportagem;
- Lições objetivas;
- Debate:
- Palestrante especializado;
- Discussão entre os jovens com apresentação das definições;
- Discussão pública;
- Perguntas a um grupo preparado para responde-Ias;
- Temas interessantes:
- Recreação;
- Cinema/ IV/ Filmes;
- Casamento;
- Profissões;
- Amizades;
- Moda;
- Jogo;
- Sexo;
- Namoro;
- Drogas;
- Homossexualismo/Lesbianismo/Bissexualismo;
- Masturbação;
- Música;
- Pecado;
- Tentação;
- Etc.

É importante, de vez em quando, variar também, o local:
- Ar livre;
- Beira de um rio;
- Bosque;
- Beira de um lago;
- Sitio;
- Em outras Igrejas;
- Praça pública;
- Praia;
- Na casa de um jovem;
- Em uma Creche ou asilo.


Mais idéias....

Se você quiser experimentar outras idéias que podem variar, embelezar e tornar mais atrativo o Culto JA, aqui vai mais uma lista. É importante lembrar que elas sempre devem ser encaixadas dentro da fórmula do BOLETIM, e dentro do tempo designado para realizá-la:

01. Apresentação e recomendação de livros: Bons materiais de assuntos jovens.
02. Histórias favoritas: Histórias inesquecíveis para alguém relatadas à igreja.
03. Painel de perguntas e respostas: Escolha um coordenador, perguntas por escrito e um bom grupo para responder às perguntas.
04. Cartas JA: Cartas para outras sociedades JA.
05. Partilha tua fé: Os jovens saem por 30 min. a um local definido para distribuição de literatura, depois voltam para troca de experiências.
06. Dia do pai ideal - Dia da mãe ideal.
07. Programa de colportores.
08. Programa de profissões.
09. Momentos de poder: Um espaço para a comunhão e oração.
10. Jornal JA: Notícias da igreja local, mundial e da ciência.
11. Entrevistas: Com alguém que seria interessante a igreja conhecer melhor.
12. Programa da amizade: Dos homens para as mulheres e vice versa
13. Minuto profético: Explicações rápidas de profecias da Bíblia.
14. Homenagem do Dia: Aproveitar as datas importantes da semana relativas a profissões e convidar alguém abarcado por elas que não seja Adventista para ser homenageado e entrevistado. Ao final doar um "Caminho a Cristo", "Paz na Tempestade", "Terceiro Milênio", etc.
15. Conheça seu irmão: Entrevistar membros da igreja que tenham atividades religiosas ou profissionais interessantes, com o objetivo de passar orientações aos jovens. Ao final abra um espaço para as perguntas.
16. Cultura Geral: Rápidas dicas sobre natureza, plantas, astronomia, etc.
17. E importantíssimo lembrar que:
· Os jovens e juvenis devem participar nos programas.
· Os jovens gostam de colorido, ação, surpresa e variedade.
· O ano bíblico e os ideais JA devem ser promovidos a cada Sábado.

Para matar o Culto J.A -

Se você quiser matar o Culto JA, também existe uma fórmula. Dê uma lida só para ficar longe dela:

a. Começar tarde;
b. Prepará-lo de última hora;
c. Preparar o material de apoio (som, video, ornamentação, etc.) no
último momento;
d. Falar tão suavemente que ninguém escute;
e. Misturar o religioso com o secular;
f. Torná-lo longo demais;
g. Deixá-lo cansativo;
h. Não usá-lo para oferecer alimento espiritual. 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...